quinta-feira, 23 de maio de 2013

Sétimo capitulo da Web : O vizinho do Lado.

Mini web fresquinha pra vocês ! ;)
 Leiam -> Não é Normal
Espero que gostem ! ;)
Beijinhos ! : **
Comentem muuito ! hehe '


O celular de Lua tocou antes que ela pudesse falar algo e ela o pegou de cima da mesa e olhou no identificador. Não conhecia o número .
- Alô ? - perguntou saindo da cozinha e caminhando até a sala
- Bom dia Lua docinho. Espero que o encanador não tenha lhe tirado da cama. - falava com a voz amigável
- Arthur ? - ela perguntou ainda confusa
- Algum outro homem lhe chama de Lua docinho ? - ele suspirou e falou antes que ela respondesse – Tenho que dar um jeito nisso .
- Arthur, - ela disse começando a ficar raiva – Posso saber que história é essa de ter pagado o encanador ?
- O que tem demais ? - ele perguntou parecendo falar sério
- Eu não lhe pedi que fizesse isto. - ela se defendeu
- Mas mesmo assim eu quis fazer. - ele rebateu
- Tudo bem . - ela respirou fundo tentando se acalmar – Muito obrigado pela gentileza, eu lhe agradeço, mas vou logo avisando que eu lhe pagarei.
- Não é preciso.
- Mas eu quero Arthur. - disse cruzando os braços
- Já lhe disse que sua boca fica provocativa quando diz o meu nome ? - ela bateu o pé no chão brava – E quando esta brava fica mais bonita ainda.
- Não estou brava. - mentiu
- Não minta. Eu estou vendo que está brava.
- Não minta você. - ela rebateu – Nem se quer esta me vendo !
- Ah eu estou sim. 
Lua olhou ao redor e viu ele lá. Parado em frente a janela de sua casa que dava diretamente para a janela da sala de Lua, com uma camisa social branca aberta, deixando a mostra o peitoral bem definido.
- Isso meio que é abuso de privacidade sabia ? - disse olhando em sua direção
- Talvez. - ele sorriu
- Eu podia lhe processar. - disse colocando a mão na cintura
- Talvez . - ele repetiu sorrindo – Sabe, tenho que trabalhar agora. Mas você já tem o meu número, se precisar me ligue. Tenha um ótimo dia Lua. - desligou e mandou um beijo com a mão para ela antes de sair de sua visão.
Ela queria esbofeteá-lo. Mais ao invés disso preferiu ligar para Sophia e avisar que não precisa mais de encanador algum. Sophia atendeu no segundo toque.
- Lua, não me diga que conseguiu o encanador.
- Sim, eu consegui. Não vai ficar conhecendo o Arthur desta vez.
- Como conseguiu o encanador ?
- Ele o chamou, e ele o pagou.
- Ele quem o vizinho do lado, o tal de Arthur que me falou ?
- Sim. 
- Eu acho que ele esta tentando te impressionar.
- Eu também acho . 
- Então a questão é … ele está conseguindo ?
- Soft desista. Não vai conseguir me deixar balançada por um cara só por causa destes comentários. - cochichou para que o encanador não ouvisse
- Tudo bem. - defendeu-se – Não esta mais aqui quem falou. A esperança é a última que morre. - disse rindo – Vou ter que desligar, caso contrário minhas panquecas irão queimar.
- Esta fazendo panquecas ? O que foi desta vez ? Estourou o cartão de crédito do Mika ? - disse brincando
- Vá se ferrar cunhadinha, vá se ferrar. - ela disse brincado ao desligar o celular
Lua sorriu e largou o celular junto ao notebook. Logo depois atirou-se sobre o sofá ligando a TV. Ouviu um pouco de noticias, as quais só informavam sobre, morte, violência e trafico de drogas, até que o encanador a despertou :
- Já vou indo senhorita. Esta tudo consertado.
- Oh, obrigada. - ficando de pé em um pulo – Eu lhe acompanho até a porta.
O homem sorriu e ela abriu a porta deixando-o passar. Ficou aguardando até que o homem afastar-se e encarou o céu.
- Olá. - ouviu alguém falar
- Olá. - respondeu mesmo sem conhecer quem era
- É a nova vizinha ? - Lua assentiu para a morena com cabelos na altura dos ombros – Então, prazer. Sou Melanie. Sua vizinha da frente. Me chame de Mel.
- Prazer. Lua Maria. - apertando sua mão – Mas me chame de Lúúh.
- E então ? Gostou do local ? Da vizinhança ? - ela disse simpática
- Sim, muito agradável. E na verdade só conheço você e o vizinho do lado. - fez uma careta
- Já vi que você não foi com a cara do Arthur. - ela disse sorrindo – Ele ficou te cantando não foi ?
- Oh, não .. - Lua disse mais do que depressa
- Mas o Arthur não tem jeito mesmo. - disse com humor
- O que quer dizer com isso ? - Lua perguntou confusa
- Sabe não se deixe intimidar por Arthur. Acredite em mim. Ele sabe o poder que tem sobre as mulheres, e aproveita para deixá-las encabuladas.
- Não entendo . - Lua disse sincera – Estou curiosa . - admitiu

5 comentários:

Anônimo disse...

vishh será que o arthur ja deu em cima da mel??

Anônimo disse...

cara quando o arthur fala com a lua chamando ela de docinho ele deve faze uma cara de sarcasmo kkkkkkkkkkkkkkkkk

Anônimo disse...

@luaelua_

Anônimo disse...

Ahahah Mel acabou com a imagem de Arthur u.u
by:coisalindaluar_

minhavida_somic disse...

nossa ta demais lua docinho amei

Postar um comentário